quarta-feira , 19 de setembro de 2018
Home / Poemas / Pobre Paulo
Kindle paperwhite: Prático como você

Pobre Paulo

Compartilhe:

Ciclovia que agora importuna,
Inibe diversas mazelas.
A indignação que gera lacuna,
Das sacadas ouvimos panelas.

Se nos Jardins tem alegria,
Falta certo discernimento.
Tristeza tem a periferia,
Sem água e saneamento.

Se pra estudante falta escola,
Sempre sobra pancadaria.
Ensino virou esmola,
Nas mãos da patifaria.

Se a PM age com violência,
Da sociedade recebe apoio.
Do governo vem a conivência,
Não há trigo pra extirpar o joio.

Artigos relacionados

Compartilhe:

Sobre Rodrigo Barros

Rodrigo Barros
Empreendedor e escritor, Rodrigo Barros é bacharel em Biblioteconomia e em Sistemas de Informação, com pós-graduação em Gerência de Projetos e MBA em Gestão de Marketing.

Veja também

Cálice

Ao negro cabe a barriga vazia, Não se pode lutar por liberdade. Driblar a fome …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Web Analytics