sexta-feira , 25 de Maio de 2018
Home / Artigos / Marketing / O que é marketing? Entenda seu conceito e definições
Kindle paperwhite: Prático como você

O que é marketing? Entenda seu conceito e definições

Eu não me lembro ao certo quando me descobri no mundo do marketing. Minha paixão pela Internet, e a experiência desenvolvendo sites, levou-me a conhecer algumas estratégias de marketing digital, e quando menos percebi, já havia feito diversos cursos sobre o tema, participado de Workshops e estava ingressando em um MBA em Gestão de Marketing. O caminho foi longo, não foi um processo que nasceu de uma hora para outra, mas hoje, não me vejo atuando em qualquer área sem levar o marketing comigo. É simplesmente imprescindível para qualquer coisa que eu venha a fazer. O primeiro passo para ingressar nesse universo é entender o seu conceito.

Conceito: o que é marketing?

O Marketing pode ser conceituado como um conjunto de técnicas e métodos aplicados ao estudo das necessidades dos mercados e seus principais componentes. A palavra deriva do termo em inglês Market, que significa mercado. Resumindo, o Marketing é o estudo das causas, objetivos e resultados produzidos através de diversas técnicas aplicadas ao mercado, seja por uma empresa ou por uma pessoa física.

O guru, Philip Kotler, definiu marketing da seguinte maneira:

Marketing é a ciência e a arte de explorar, criar e entregar valor para satisfazer as necessidades de um mercado-alvo com lucro. Marketing identifica necessidades e desejos não realizados. Ele define, mede e quantifica o tamanho do mercado identificado e o potencial de lucro.

Eu concordo em parte com este conceito, porque acredito que o marketing vai muito além da necessidade única de gerar lucro. Não se trata apenas de técnicas de venda (e também não é sinônimo de comunicação ou publicidade), ao menos não no sentido literal da palavra. Eu prefiro o conceito da American Marketing Association, que não foca apenas na venda de produtos ou serviços, porque quando falamos em valor, o objetivo vai muito além de preço e lucro. O conceito de valor pode ser definido como todos os benefícios gerados, ou percebidos, em razão do sacrifício feito por um cliente na aquisição de um produto ou serviço:

O marketing é uma atividade, conjunto de instituições e processos para criar, comunicar, entregar e trocar ofertas que tenham valor para os consumidores, clientes, parceiros e sociedade em geral.

O marketing é uma filosofia que estuda as causas e os mecanismos que regem as relações de troca, sejam elas bens, serviços ou ideias. Vai muito além do conceito de venda, porque a venda é um processo de sentindo único, enquanto o marketing é um processo em duas vias, que visa assegurar a obtenção do maior benefício possível para ambas as partes envolvidas nessa troca.

Essas relações de troca são realizadas dentro de quatro pilares principais, conhecidos como os 4Ps do marketing: preço, praça, produto e promoção.

Os pilares do marketing

Os pilares do marketing foram criados pelo professor e escritor Jerome McCarthy, em 1960, quando registrou em sua obra “Marketing Básico” o conceito do Mix de Marketing, ou como é popularmente conhecido, os 4Ps do Marketing. Essa codificação, desconhecida até então, vem sendo difundida por Philip Kotler (e por todos os outros autores) até os dias atuais.

Vamos entender o conceito desta sopa de letrinhas:

  • Preço: seja você pessoa jurídica ou pessoa física, estará sempre vendendo alguma coisa, seja um produto ou você mesmo, afinal, quando você monta seu currículo, está tentando “vender” o profissional que você é para prestar serviço para uma empresa. Esse pilar define o valor daquilo que está em jogo na relação de troca com o consumidor. O intuito aqui é entender a relação entre o valor de algo e seu preço para o mercado.
  • Praça: toda estratégia de mercado precisa englobar um conjunto de locais e canais nos quais o público poderá ter acesso aos produtos ou serviços, e também, contato com a sua marca. Podemos citar como exemplo, o seu site, sua loja física e suas redes sociais. Para cada praça, se faz necessária uma estratégia específica.
  • Produto: o produto é tudo aquilo que você pretende entregar ao mercado, seja um serviço, produto ou ideia. O objetivo aqui é entender quais atributos serão valorizados pelo mercado, as características daquilo que está sendo entregue e a experiencia que envolve o seu uso.
  • Promoção: esse último pilar define as estratégias que serão utilizadas para a divulgação do produto, serviço ou marca. A promoção consiste em definir como as mensagens que pretendemos propagar serão colocadas em contato com o público. Isso engloba a estratégia de comunicação e a personalidade da marca.

Áreas de atuação do marketing

O marketing tem uma área de atuação variada, com conceitos específicos direcionados para cada atividade relacionada. Eu diria até que o marketing está presente em todas as áreas, não podendo ser limitado. Sempre que surge uma nova área de atuação, serviço ou produto, surgem novas estratégias de marketing. Hoje, usamos termos como marketing pessoal, marketing de relacionamento, marketing político, marketing editorial, marketing social, e por aí vai. Todo profissional deveria conhecer ao menos o básico sobre marketing e as estratégias que podem e devem ser utilizadas em sua área de atuação.

O profissional de marketing inicia seu trabalho antes mesmo da fabricação de um produto, ou do desenvolvimento de um serviço ou ideia, e segue atuando mesmo após as vendas ou a conquista daquilo que se almejava inicialmente. Oferecer ou agregar valor é um conceito diretamente relacionado com a satisfação do cliente, um dos principais objetivos do marketing. A tarefa mais importante do profissional de marketing é determinar quais são as necessidades e os desejos dos consumidores, procurando adaptar-se para proporcionar aquilo que o cliente deseja.

Hoje, com o avanço da Internet e uso excessivo das redes sociais, se utiliza a expressão Marketing 4.0 para definir a relação de troca entre aqueles que oferecem um produto, serviço ou ideia, e seus consumidores, levando em conta os sentimentos humanos, as transformações sociais e as revoluções de interação na rede. Se faz necessário monitorar o público alvo, buscando uma aproximação com os consumidores tidos como potenciais clientes, fidelizando ainda, aqueles que já adquiriram aquilo que você oferece.

Artigos relacionados

Compartilhe:

Sobre Rodrigo Barros

Rodrigo Barros
Empreendedor e escritor, Rodrigo Barros é bacharel em Biblioteconomia e em Sistemas de Informação, com pós-graduação em Gerência de Projetos e MBA em Gestão de Marketing.

Veja também

O que é SEO? Eu consigo colocar meu site no topo do Google?

Antes de falarmos sobre técnicas para melhorar nosso ranqueamento no Google, ou até mesmo sobre …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Web Analytics