Kindle paperwhite: Prático como você

5 razões para um escritor visitar a Bienal Internacional do Livro em São Paulo

Compartilhe:

Desde 2015, quando me lancei como autor publicado, resolvi participar de eventos literários. Esse ano, o destino quis que eu lançasse meu livro Da Rebelião à Glória: O Fluminense e a conquista da Primeira Liga na 24ª Bienal do Livro de São Paulo. Um imenso orgulho em minha carreira literária.  (Saiba mais AQUI)

Se você é escritor e reside em São Paulo, ou ainda tem a possibilidade de visitar a Terra da Garoa, faça um favor a si mesmo, venha dar um pulo na Bienal. Existem diversos motivos para fazê-lo, vou listar cinco deles e espero que isso possa fazer diferença em sua carreira no futuro.

Ah, e nenhum dos motivos é me visitar e comprar o meu livro, ainda que isso fosse ser muito legal =)

Vamos a eles:

1 – Conhecer gente que interessa

Todos nós sabemos que conhecer pessoas é o caminho certo para chegarmos onde almejamos, o famoso networking funciona também para a literatura. Em uma feira desse porte encontramos outros escritores, editores e agentes literários, um contato imprescindível para quem precisa estar lado a lado com o mercado. Participe do evento, conheça pessoas, assista a palestras, valorize o trabalho de outros escritores e faça contato. Não se esqueça de levar consigo cartões de visita, as pessoas precisam saber como encontrá-lo posteriormente.

 2 – Aprimorar seu ofício

Palestrantes em feiras literárias detêm experiência e conhecimento que podem lhe ser úteis para aprimorar sua carreira e sua escrita. Assistir a conferências é uma boa maneira de absorver conhecimentos sobre diferentes aspectos da escrita: dicas sobre como desenvolver o hábito de escrita diária, como montar um bom cronograma, técnicas para roteiros, contos, romances, entre muitos outros. Além disso, você pode participar de oficinas que são sempre focadas na melhoria do ofício do escritor, dando-lhe uma oportunidade de interagir com outros escritores que podem estar no mesmo barco que você.

3 – Absorver informações sobre o seu gênero

Imagine que você goste de escrever sobre terror. Existem conferências próprias sobre o tema, lançamentos e grandes escritores nacionais e internacionais do gênero. Você poderá receber dicas de escrita e também novidades sobre o gênero do seu interesse. Suponha que você está focado na escrita de um novo romance e no momento essa não é a melhor escolha para o mercado literário. Você pode mudar os rumos e deixar essa nova história para depois, quando o momento ideal para a venda de seu livro chegue. Participar de workshops específicos dará uma melhor visão a você sobre o que é novo, o que não atende mais ao mercado e o que é universal para o gênero que você gosta de escrever, dando-lhe uma informação mais detalhada sobre o processo de publicação.

4 – Encontrar autores que você admira

Todo autor se tornou escritor por gostar de ser um leitor, sendo assim, todos temos nossos autores preferidos e não há local mais adequado para encontrá-los que em uma feira literária. Além de poder bater um papo com seu autor favorito, você pode também entender um pouco mais sobre o processo de escrita dele, descobrindo semelhanças e diferenças com o seu processo, percebendo as diferentes nuances do processo de escrita. Eu mesmo já conheci o André Vianco, um dos principais escritores de terror do País, e a experiência de trocar uma ideia sobre seu processo de escrita, os personagens, e as histórias foram de grande valia pra mim.

5 – Imergir no universo literário

Se você, assim como eu, não vive de literatura, essa é uma grande oportunidade para imersão no universo literário. A participação em uma feira literária é uma boa forma de sair da sua vida diária, mudando sua rotina e aprimorando sua vertente literária. Ainda que você não tenha publicado um livro ainda, participar de eventos como esse fará com que você se sinta mais profissional na carreira que está buscando e não faltará oportunidade para aprimorar seu ofício.

Mais informações: http://www.bienaldolivrosp.com.br/

Fotografia: Fernanda Grillo/VEJA.com

Compartilhe:

Sobre Rodrigo Barros

Empreendedor e escritor, Rodrigo Barros é bacharel em Biblioteconomia e em Sistemas de Informação, com pós-graduação em Gerência de Projetos e MBA em Gestão de Marketing. Fundador e editor chefe na Cartola Editora.

Veja também

Marketing Literário: Criando anúncios mais eficientes no Facebook

Criar anúncios no Facebook não é nenhum bicho de sete cabeças. Na verdade, é bem …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Web Analytics